Após diversos roubos, a travesti Luana Rabello, conhecida como “Mulher-Gato”, foi presa no Rio de Janeiro. À polícia, a suspeita afirmou que é amante de chefes do tráfico no Complexo da Maré, no Rio de Janeiro.

Por conta disso, ela teria sido impedida de se aproximar da região, já que recebeu ameaças da esposa de um traficante.

Magazine Brasil Líbano Dia dos Pais

Com 30 mil seguidores no Twitter e mais de 20 mil no Instagram, Luana postou em sua conta no Twitter pela última vez no dia 21 de outubro, quando foi presa.

“Liberdade pra mim”, foi a frase que escreveu, seguida de vários emojis de um rosto chorando.

CCAA Capinópolis

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

Fonte: O Tempo

ebcTudo Em Dia News