Jornalista expõe suposto motivo de Maya Massafera não estar falando em público e critica: 'Não é a única travesti do Brasil'

3 weeks ago 48
ARTICLE AD BOX

Felipeh Campos participou do podcast Pode Tudo e Mais Um Pouco, comandado pelos apresentadores Felipe Folli e Flávio Mello. Na atração, o jornalista comentou sobre as polêmicas envolvendo a voz da influenciadora digital Maya Massafera, que deixou de falar em público após uma cirurgia de feminilização vocal.

Segundo Felipeh Campos, a intervenção cirúrgica realizada por Maya Massafera não foi um sucesso, já que a famosa não teria aprovado o resultado.

O jornalista diz que após uma cirurgia de feminilização de voz, a pessoa fica com uma voz linear. “Se você gritar, você não vai gritar”, explicou Felipeh Campos, destacando que, conforme suas fontes, a influenciadora digital não estaria curtindo a sua nova voz.

Maya Massafera vai avaliar possibilidade de refazer cirurgia, afirma jornalista

Ainda durante a sua participação no podcast, Felipeh Campos afirmou que a influenciadora digital iria passar por uma nova avaliação para saber sobre a possibilidade de refazer a cirurgia de feminilização de voz.

Aproveitando o assunto, o jornalista aproveitou para dar a sua opinião, ressaltando que se estivesse no lugar de Maya Massafera, iria ficar com a voz da forma que está. “Porque se já não deu certo, isso dá indício que não vai dar bom”, completou ele, chegando a apontar uma suposta possibilidade da artista ficar muda.

Felipeh Campos critica Maya Massafera

No podcast, o jornalista comentou sobre a notícia de que Maya teria sido hospitalizada após passar mal por conta de uma funcionária que queria tornar a sua voz pública. “Eu não acredito nessa história”, avisou Felipeh Campos, ressaltando a forma com que tudo está sendo desenhado.

Ela não é a única travesti do Brasil”, disparou o comentarista, citando as histórias de artistas como Léo Áquilla, Nany People e Silvetty Montilla.

Leia o artigo inteiro